Vagas para (2) Oficiais de Comunicação e Negociação

Vagas para (2) Oficiais de Comunicação e Negociação
Vagas para (2) Oficiais de Comunicação e Negociação

18 Abril, 2019

RECEBA VAGAS NO SEU EMAIL:

Informamos que todas as oportunidades de emprego publicadas no site VAGAS.INFROMOZ, sem excepção, não implicam qualquer custo para os candidatos

No âmbito da parceria entre a administração Nacional das Áreas de Conservação (ANAC] e a Fundação dos Parques da Paz (PPF), o Parque Nacional do Limpopo (PNL), pretende recrutar para reformar o seu quadro de pessoal, 2 Oficiais de Comunicação e Negociação.

Para o efeito, convida todos interessados para candidatarem-se para as vagas disponíveis.

Os candidatos selecionados trabalharão nas áreas sob jurisdição do PNL e, ser-lhes-ão oferecidos contratos de trabalho com uma duração de 1 ano renovável, o qual estará sujeito a uma avaliação de desempenho regular durante o exercício da sua função.

Todas as tarefas serão realizadas sob a supervisão do Coordenador do Reassentamento.

Responsabilidades:

  • Sob a supervisão directa do Coordenador do Reassentamento, e em estreita colaboração com as autoridades do Governo do Distrito de Massingir, o Oficial de Comunicação e Negociação devera realizar as seguintes tarefas:
  • Representar o Governo Distrital em todos trabalhos de comunicação comunitária dos processos de reassentamento;
  • Avaliar o ambiente instalado entre as famílias afectadas e aconselhar o comité de Negociação das Compensações sobre as melhores estratégias para assegurar uma negociação bem-sucedida;
  • Sensibilizar as famílias afectadas e respectivos lideres comunitários sobre a complexidade do processo de reassentamento e encoraja-los a participarem activamente como forma de acelerarem a restauração das sua anteriores condições de vida ou a atingirem melhores níveis;
  • Encorajar as comunidades reassentadas a adoptarem novas formas de vida social, sem que tal represente uma ruptura total com os sistemas tradicionais de organização social que possuam antes de reassentamento;
  • Ajudar a equipe do reassentamento nos processos de recolha de informação relativa as comunidades a reassentar e acompanhar o exercício de determinação dos pacotes de Compensação;
  • Criar um arquivo para o registo de todas as famílias reassentadas, contendo informação sobre como decorreram as negociações com cada família;
  • Apoiar as autoridades do Governo do Distrito no processo de reactivação e operacionalização dos Comités de Reassentamento da Aldeia;
  • Participar em acções de Consulta com as comunidades e com a Sociedade Civil.

Requisitos:

  • Grau universitário em Comunicação Social, Desenvolvimento Comunitário ou similar;
  • Experiência de trabalho de em processos de Reassentamento e negociação de compensações;
  • Experiência na organização e gestão de informação;
  • Experiência na gestão de Comunicação envolvendo governo, comunidades e diferentes instituições de cariz humanitário;
  • Experiência e habilidade de comunicar e interagir com as comunidades locais de uma forma adequada e culturalmente sensível;
  • Experiência e disponibilidade para trabalhar em pontos remotos do Distrito;
  • Experiência no estabelecimento, implementação e acompanhamento dos procedimentos internos de monitoria e com todas as normas de gestão de qualidade na gestão do projecto;
  • Conhecimento de Changana constitui uma vantagem dada a natureza do trabalho;
  • Experiência na gestão de consultores;
  • Habilitação para conduzir motociclos.

OS CANDIDATOS DEVEM APRESENTAR OS SEGUINTES DOCUMENTOS:

  • Curriculum Vitae;
  • Certidão de habilitações Literária;
  • Fotocopia de B.I ou Passaporte;
  • Carta de motivação a explicar o seu interesse e aptidão para s posição, bem como um Curriculum Vitae em Português;
  • Três cartas de referência

Os interessados deverão enviar seus CVs para o email: rhlimpopo@gmail.com.

Apenas candidates seleccionados serão contactados.

DISCRICAO
VAGAS NÃO SE PAGA

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *